Quais são os tipos de meditação? Veja aqui 5 estilos!

Um hábito que está se tornando muito mais comum na vida de várias pessoas, a meditação é considerada uma ótima forma de conseguir diminuir a ansiedade, os pensamentos desordenados e trazer uma série de benefícios.

Mas, você sabia que a meditação não se restringe a apenas um tipo? São vários estilos e práticas que podem ser aplicadas no dia a dia. Veja abaixo quais são os tipos de meditação mais comuns, como praticar e muito mais.

Continue lendo e fique por dentro do conteúdo.

Quais são os tipos de meditação existentes?

Quais são os tipos de meditação? Veja aqui 5 estilos!

1 – Mindfulness

Conhecida comumente, o termo “mindfulness” quer dizer mente vazia, da qual se aplica a ter atenção plena no momento em que se está vivendo.

Nesse tipo de meditação, o indivíduo fica atento apenas a sua respiração, afastando os demais pensamentos para longe e regrando sua respiração.

Além disso, é treinado também a curiosidade ou a mente, onde você procura não julgar ou pensar no que está acontecendo ao seu redor.

Geralmente são aplicadas técnicas atencionais, das quais servem como base para que você possa focar sua atenção, podendo ser a respiração, o corpo parado ou até mesmo certo movimento.

Existem também as técnicas construtivistas, onde a intenção é gerar certo tipo de estado na pessoa, gerando assim a autorreflexão.

2 – Meditação transcendental

Por meio desse tipo de meditação, é ensinado a mente a mergulhar diretamente no campo transcendental, onde você não tem passado, presente e nem futuro. É uma técnica de ter maior consciência sobre si mesmo.

Dessa forma, essa técnica precisa ser desenvolvida em pequenos passos, onde se aprende a atingir esse limite, alcançando assim o estágio da consciência pura, do qual é um nível bem profundo próximo do sono, porém, com a mente sempre alerta.

Neste tipo de meditação em específico, não existem técnicas focais, como é o caso de focar na respiração ou em um mantra, nem há a necessidade de concentração ou de controle dos pensamentos, apenas prestando atenção na consciência.

3 – Raja yoga

Conhecida como uma técnica de meditação da qual se aplica a meditação diante do autoconhecimento, onde o principal objetivo é compreender sobre você e qual é seu estado de origem.

É preciso se perguntar sobre sua origem logo de início, visto que esse tipo de prática não possui uma técnica focal e nem usa dos asanas – que são as posições comuns da yoga. É possível praticá-la sentada ou em movimento, sendo apenas primordial seguir os passos que levam o indivíduo até o estado puro de plenitude.

4 – Meditação vipassana

De origem direta do Budismo indiano, ela também busca o autoconhecimento por meio da auto-observação e na procura profunda da conexão entre corpo e mente.

Mas, sua principal diferença é que sua técnica é usada de forma presencial, que pode durar alguns dias, onde os participantes precisam seguir um Código de Disciplina,onde aprendem conceitos básicos por meio da prática para obter resultados positivos.

Entre alguns dos princípios deste código estão a proibição de matar, roubar, mentir, tomar intoxicantes e até mesmo a prática de atividade sexual, além de que deve-se praticar o silêncio absoluto e não é aconselhado o cruzamento de olhares.

5 – Meditação zazen

De tradição direta do Zen-Budismo, que é lembrado como um ramo do Budismo originário do Japão, ela acontece com os olhos meio abertos e com o corpo sentado de forma correta.

Uma de suas principais intenções é de se ter consciência de todas as percepções, como é o caso da respiração, sem ter que controlá-la necessariamente.

Depois disso, são analisadas as emoções que cada percepção carrega, até o momento que a pessoa consegue entrar em comunhão com si mesmo.

Esse é conhecido como o momento de despertar, visualizando a realidade como realmente é. Por fim, valoriza-se o conhecimento da mente e como o universo atua em nossa personalidade.

São vários tipos de meditação existentes, sendo que estas são apenas algumas das mais famosas ou conhecidas. É indicado que se você quer começar a praticar a meditação o quanto antes, encontre aquele estilo que melhor se adeque aos seus objetivos e preferências.

Existem vários vídeos no YouTube ou blogs especializados em cada tipo de meditação, procure entender melhor sobre todas elas e comece a prática o quanto antes.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.