Publicidade

Anjo querubim – Conheça o Significado e a História aqui!

A Bíblia menciona a existência de pelo menos quatro seres celestiais: anjos, arcanjos, querubins e serafins. Nesse sentido, para saber mais sobre quem são os querubins, confira a seguir o material que preparamos e descubra sobre o anjo querubim – significado e história dele.

Publicidade

Quem é o anjo querubim?

Publicidade

Existem dois tipos de anjos na Bíblia: os anjos executores e os anjos mensageiros. Assim, entre esses dois, os anjos querubins se consideram como anjos mensageiros. Isso porque, conforme vamos tratar aqui no texto, atuam como protetores da divindade de Deus.

Publicidade

Publicidade

Quando se mencionam os querubins na na Bíblia Sagrada, dá para perceber certo destaque. Sendo assim, acredita-se que sejam criaturas de grande poder e autoridade. Sobretudo, vale dizer que querubim é um ser celestial que pertence à ordem dos anjos.

Até porque, esse ser é espiritual e dotado de pessoalidade, o que significa que os querubins possuem inteligência e responsabilidade moral.

Publicidade

Publicidade

Aliás, falando nessas características, vale dizer que o anjo querubim não possui forma certa. Assim, eles se descrevem de formas diferentes nas escrituras sagradas. Portanto, vamos conferir quais são essas formas a seguir.

Como são os anjos querubins?

Quando se fala em anjo querubim, é comum que sua imagem se associe àquelas de anjos de cartões e pinturas e esculturas renascentistas (confira a imagem abaixo). Nesse sentido, costuma-se imaginá-los como “crianças gordinhas com asas”.

Anjo Querubim

Apesar disso, na Bíblia, há diferentes descrições desse ser. Por exemplo, os anjos querubins aparecem na Bíblia (mais exatamente em Êxodo 25:20) e se descrevem como seres de asas e têm forma semelhante à humana.

Por outro lado, em outros momentos, como é o caso de Ezequiel 41:18-19, já aparecem como como animais. Ainda, aparecem como uma mistura da forma humana com a animal (caso de Ezequiel 1:5-8).

Enfim, o anjo querubim possui diferentes formas, em diferentes momentos. Mesmo assim, não dá para negar que eles são mensageiros de Deus.

O que se pode entender sobre a representação dessa criatura divina

Publicidade

Publicidade

Os estudiosos tendem a entrar em conflito quanto à representação dos querubins. Nesse meio, há quem defenda que a representação deles, inclusive, deva ter relação com o que são mesmo (nesse caso, mensageiros de Deus).

Então, uma coisa é certa: querubim é uma criatura poderosa e que tem bastante autoridade.

Nesse sentido, apesar de tantos conflitos sobre os querubins pela falta de detalhes, é certo que eles são criaturas que Deus fez para proteger sua divindade e, portanto, possuem poder e autoridade.

Significado do anjo querubim

Desse modo, o anjo querubim, considerando as passagens bíblicas nas quais aparecem, são anjos protetores, pois, ao que tudo indica, são eles quem guarda o portão de entrada do paraíso. Inclusive, em Êxodo 25:18, eles estavam a guardar e observar o propiciatório.

Da mesma forma, também são quem constitui a carruagem na qual Deus desce à Terra, o que se verifica em, por exemplo, Salmos 18:10. Nesse sentido, eles são seres que defendem a santidade e a divindade de Deus, as quais costumam ser ofendidas pelo pecado.

Publicidade

Publicidade

Assim, os anjos querubins estão sempre à frente. Portanto, eles simbolizam a justiça divina e representam a divindade de Deus.

A história do anjo querubimHistória do Anjo Querubim

A primeira vez que os anjos querubins aparecem na Bíblia é após a Queda dos Anjos. Ou seja, depois que Adão e Eva cometeram o pecado original, esses seres foram criados, a fim de proteger a Árvore da Vida. Isso em Gêneses 3:24.

Assim, pode-se dizer que foram criados para agirem como guardiões.

Mais tarde, os querubins se encontram novamente no livro de Êxodo. Nesse sentido, quando Moisés recebeu de Deus a ordem de como deveria ser a adoração dos israelitas, Deus indicou que duas imagens de querubins de ouro deveriam ser postas na tampa da Arca da Aliança.

Dessa forma, os anjos querubins deveriam estar de frente um para o outro. As asas, então, de modo a cobrir o propiciatório.

Publicidade

Publicidade

Além disso, nas cortinas do Tabernáculo havia imagens dos querubins bordadas.

Então, assim os anjos estiveram presentes na Bíblia (nesses momentos que acabamos de explicitar e os demais, que vieram depois deles): sempre com relação à glória, poder e santidade de Deus.

Portanto, onde estivessem, tinham a missão de proteger e defender em nome de Deus Pai, Todo-Poderoso, que, assim, devia se ver como Rei do Céu e da Terra.

Redatora da WebGo Content. Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.