Publicidade

Como saber se é um bom mês para mudanças? – Leia e descubra

Mudanças acontecem, às vezes, independente da nossa vontade. Mas, em geral, nós é que decidimos mudar, movidos pelos impactos da vida. No meio disso, precisamos estar conscientes se o tempo é propício para tais mudanças ou não. Sendo assim, como saber se é um bom mês para mudanças? É o que você vai descobrir nesse texto.

Publicidade

O acaso e o planejado — como as mudanças acontecemComo saber se é um bom mês para mudanças

Publicidade

O tempo todo a gente enfrenta mudanças na vida. Uma diferença que se deve falar, porém, é a que existe entre querer mudar e precisar mudar. Afinal, mudanças podem vir de maneira inconsciente, por serem um processo natural da vida, já que os períodos, ao longo da vida, se alteram. Por outro lado, elas também podem ser planejadas.

Publicidade

Publicidade

A vida é composta de ciclos. Nesse sentido, a mudança bate à nossa porta ao final de cada ciclo. Isso porque as experiências transformam as pessoas de maneira quase automática. Da mesma forma, as pessoas têm o poder de influenciar umas nas vidas das outras e, portanto, as relações também podem provocar mudança.

Diante disso, não é difícil perceber que a gente muda o tempo todo.

Publicidade

Publicidade

Entretanto, há mudanças que necessitam de um planejamento prévio. Essas são mudanças maiores, que requerem algum esforço da nossa parte e, também, tempo. E, enfim, para que elas aconteçam, precisamos estar abertos a elas.

Nesse contexto, precisa-se saber por qual razão deve haver mudança e como chegar lá. Até porque, ao longo do processo de mudança, o indivíduo vai ter, mesmo, que sair da sua zona de conforto, por mais que o novo assuste.

Se se quer mudar, o motivo deve ser importante. Desse modo, o trabalho vai valer a pena!

A caminho da mudança: possibilidadesComo saber se é um bom mês para mudanças

Em geral, a mudança é ótima para estimular a capacidade de adaptação. Aliás, quem desenvolve essa habilidade consegue lidar melhor com problemas e, assim, tende a se estressar menos.

Então, se você quer fazer uma mudança em você, na sua vida, na sua realidade, comece a ver o que você acha que precisa mudar. Nesse sentido, descubra quais são os seus pontos fortes e fracos e invista em melhorar naquilo que você sabe cria  dificuldades na sua vida.

Publicidade

Publicidade

A partir disso, você pode verificar em quê esses aspectos interferem na sua vida (pensar nos seus relacionamentos, por exemplo) e, em seguida, pensar nos possíveis caminhos para que essa mudança se torne uma realidade. Indo além, você também pode capturar histórias de sucesso, quanto a objetivos similares, como exemplo.

Quando se procura mudar, é preciso pensar nas atitudes que se tem e como elas impactam, positiva ou negativamente, na sua vida. Seja pessoal, profissional, espiritual ou, enfim, sua vida em geral.

Um bom mês para mudançasComo saber se é um bom mês para mudanças

Talvez aquela premissa de que sempre é tempo de mudar seja verdadeira. E, se o indivíduo tem esse poder de escolha, significa que a qualquer tempo é possível fazer mudanças.

Mas como saber se é um mês para mudanças?

A humanidade tem a capacidade de espelhar em Deus seus atos e atitudes no dia a dia. Por isso, o que é necessário é parar para refletir até que ponto as nossas atitudes são boas, para nós e para aqueles que nos cercam.

Publicidade

Publicidade

Quão generosos somos? Aliás, será que somos fieis aos princípios básicos da vida, como honestidade, bondade e generosidade? Se isso não acontece, é possível perceber até pelas coisas que acontecem em nossas vidas. Afinal, tudo o que vai volta. E, se tudo parece estar indo contra nós, significa que não temos sido justos e verdadeiros o suficiente.

É hora, pois, de avaliar como está a nossa vida e de melhorar a performance na vida, seguindo o Exemplo daquele que nos guia diariamente. Afinal, o que Ele nos deixou foi o legado da bondade e da misericórdia. Para isso, precisamos ouvir nossas próprias palavras e dar a devida atenção às nossas ações, aos nossos gestos.

Além, é claro, de ouvir aquelas pessoas que convivem conosco e como elas enxergam tudo isso. Sobretudo, procurar saber como elas se sentem em relação a você e suas escolhas.

Para saber se o mês está para mudanças, vale fazer uma boa reflexão sobre suas atitudes e as consequências delas. Pois, se você não se sente bem com a atual conjuntura, você pode mudar o rumo da história.

Elouise Lopes
Redatora da WebGo Content. Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.