Publicidade

Os dramas mais comuns do signo de peixes: confira aqui!

Alguns signos têm o sentimentalismo mais aflorado do que outros. Então, no meio disso, é até natural que certas situações ganhem um pouco mais de drama do que o necessário. Vamos conferir, pois, quais são os dramas mais comuns do signo de Peixes.

Publicidade

Os dramas mais comuns do signo de Peixes

Publicidade

O signo de Peixes é um dos mais sensíveis do Zodíaco. Apesar de os piscianos passarem muito tempo no mundo da imaginação — já que, aliás, é menos dolorido para eles —, esses nativos costumam ter empatia de sobra. E, porque vivem em seu mundo imaginativo, as vivências reais podem até ganhar um toque de intensidade. Então, vamos conferir quais são os dramas mais comuns desse signo.

Publicidade

1 – Piscianos são intensos

Publicidade

Os nativos do signo de Peixes preferem viver fantasiando a viver a realidade. Isso porque a realidade pode ferir demais, enquanto que, no mundo da fantasia, eles criam as histórias e os desfechos. Então, não precisam se preocupar com mágoas aí.

Nas histórias que eles criam para eles mesmos, tudo pode ser controlado e os sentimentos não precisam do menor freio. Porém, a vida real requer bastante controle, bem diferente da imaginação. E eles não podem viver fantasias para sempre, ou, pelo menos, o tempo todo.

Publicidade

Publicidade

Nesse sentido, os piscianos podem levar situações reais a outro patamar. Em outras palavras, uma situação simples, racionalmente falando, podem ser vividas por eles de maneira mais intensa do que o esperado — por outras pessoas. Afinal, os piscianos são mesmo sensíveis.

Assim, dependendo da situação, podem acabar sofrendo por uma intensidade que já faz parte deles.

2 – Eles aumentam tudoPiscianos aumentam tudo

Para os piscianos, tudo por si só já tem algum toque de intensidade. Por causa disso, outro entre os dramas mais comuns do signo de peixes está na hora em que contam uma história para outras pessoas, pois os nativos de Peixes acabam aumentando tudo.

Eles sentem de maneira profunda. Mesmo que não se trate de algo à altura do ponto de vista racional, os nativos desse signo não tem freio nas suas emoções. Então, quando dizem que estão sofrendo, estão mesmo — mesmo que o motivo não pareça válido.

Então, eles aumentam a história, os detalhes e o que mais puderem aumentar. Mas, vale ressaltar, não é que façam com intenção. A verdade é que eles realmente são intensos, então contam da maneira como veem.

Publicidade

Publicidade

Isso, claro, pode fazer com as pessoas em volta levem a história de maneira mais “inventada” ou, até mesmo, “enfeitada”.

3 – O vitimismo é inevitável

Por imaginarem demais, agirem com intensidade e aumentar tudo, os nativos do signo de Peixes podem acabar se colocando no papel de vítima. Mas isso é na cabeça deles, não dos outros. Ou seja, por sentirem demais, acaba chegando um momento em que se acham vítimas da situação.

A energia do nativo desse signo é cheia de sensibilidade, empatia e, também, de uma boa intuição. Porém, o lado sombrio desse nativo já pode despertar para sentimentos não tão bons, como a melancolia, a timidez, o vitimismo e outros.

Um drama que esse nativo vive é o de acabar de se tornando um pensador vago e, em outros aspectos, melancólico, também.

Em outras palavras, o nativo de Peixes sofre porque não consegue equilibrar as energias opostas que tem dentro dele.

Publicidade

Publicidade

A intensidade que vivem, que é resultado da cegueira com que eles acabam levando a vida real, faz com que acabem encontrando os sentimentos dos quais não gostam, pois sofrem de verdade.

Para evitar isso, o nativo de Peixes precisa saber se abster da visão idealista, ser tolerante e ter bom senso para viver no mundo real. Assim, poderá sofrer bem menos com os choques de realidade.

4 – Escapam da realidadeOs dramas mais comuns do signo de Peixes

Os nativos de Peixes são intensos, porque vivem no mundo da imaginação. Outro nome para isso é escapismo. Afinal, esses nativos criam todo um mundo imaginativo, histórias que eles possam viver no mundo que eles mesmos cuidam de criar, mas é porque, no fim das contas, querem evitar enfrentar a realidade.

E, claro, é mais fácil criar um mundo ideal e perfeito do que encarar os altos e baixos da vida. Entretanto, não dá para negar que a hora de enfrentar as dores e dificuldades chega. Portanto, o pisciano precisa se abrir para a realidade.

Elouise Lopes
Redatora da WebGo Content. Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.