Publicidade

Empatia – O que é? 7 dicas para ser uma pessoa mais empática

Por acaso, alguém já pediu para que você fosse mais empático? Ou, então, alguém já criticou você por não ter empatia? Talvez, essa palavra ainda seja um mistério para muitos. Então, para ficar por dentro, confira empatia – o que é? E veja, ainda, 7 dicas para se tornar uma pessoa mais empática.

Publicidade

Sobre empatia

Publicidade

Muitas pessoas falam sobre empatia e, de fato, ela é muito importante. Em geral, a empatia se trata do ato de identificação com o outro, a ponto de compreender o que ele sente e pensa — é, então, uma espécie de compreensão emocional. Assim, uma frase bastante aplicável para o entendimento de empatia é: “não faça com outros o que não gostariam que fizessem a você”.

Publicidade

Publicidade

Afinal, essa é claramente uma forma de se identificar com o outro a ponto de saber o que pode atingi-lo e, portanto, evitar ao máximo. Em geral, por outro lado, as pessoas andam tão absortas em seu mundo, com seus problemas diários, que a falta de empatia é nítida. Afinal, desse modo, não conseguem mesmo olhar para o outro.

Mesmo assim, a empatia é fundamental para as relações humanas. Pois, entre outros aspectos, ela permite que as pessoas consigam se acolher. Além disso, é uma forma de ampliar a visão de mundo de cada um.

Publicidade

Publicidade

Isso porque, quando as pessoas tentam compreender as outras elas acabam conhecendo outros mundos, novos horizontes. Então, são novas percepções de vida. Sendo assim, não dá para negar a importância da empatia em nossas vidas. Agora, vamos conferir formas de melhorar a empatia, em 7 dicas.Empatia - O que é

1. Saiba ouvir

Assim como você precisa saber falar, você também precisa saber ouvir. Afinal de contas, comunicação é isso: troca. Então, quando estiver conversando com alguém, fale à vontade, mas também deixe a pessoa falar bastante. Dessa forma, é possível conhecê-la melhor e, de fato, conhecer uma nova perspectiva da vida.

2. Respeite a opinião alheia

Você tem seus ideais, princípios e valores, não é? Elas são, em geral, resultado da sua experiência de vida e, assim, do seu desenvolvimento humano. Ou seja, eles contam a sua história de alguma forma. Da mesma forma, o que as pessoas têm como seus são parte da história delas. Em algum momento, é provável que haja um desencontro aí. Então, você não precisa aceitar a opinião dela, mas você deve saber respeitar.

3. Cultive a curiosidade

Inclusive, quanto mais você souber da pessoa, mais é bom perguntar. Então,  entregue-se ao diálogo. Até porque, é muito bom ver que os outros querem mesmo conversar conosco. Então, faça isso com alguém também. E aí você vai poder conhecer uma realidade além da sua cada vez mais.

4. Cada pessoa é diferente

Todo mundo tem suas particularidades e, nesse sentido, cada um tem um limite. Então, é preciso saber respeitar a proximidade e afinidade com cada um, para que as interações aconteçam da melhor maneira possível.

5. Esteja disposto a ajudar

Publicidade

Publicidade

Outro ponto importante é estar disposto a ajudar as pessoas em volta. Afinal, é dessa forma que é possível pensar em soluções para os problemas vivenciados pelo próximo e, assim, de fato se colocar no lugar dele. Portanto, esteja à disposição para ajudar e fazer o bem.

6. Experimente a vida de outra pessoa

Por vezes, a tendência é julgar as pessoas por suas atitudes, palavras e gestos. No entanto, não basta olhar por cima. É preciso ir um pouco mais fundo e tentar entender o que há, de verdade, por trás de cada atitude.

Em outras palavras, tentar experimentar outras realidades e compreender o que pode ter acontecido que possa ter resultado na situação x ou y, assim você evita julgar a questão de maneira errada (e não comete injustiças).

7. Inspire boas ações

Já que estamos em sociedade, por que não haver engajamento na luta por uma sociedade melhor, mais justa e igual?

Então, se você pode, engaje-se em alguma luta (porque você se identifica e quer contribuir para que ela aconteça) e ajude a construir uma sociedade melhor. Assim, você vai estar fazendo muito por muitas pessoas e, de fato, sendo uma pessoa empática.

Publicidade

Publicidade

Essas são 7 dicas para você levar para o seu dia a dia e, com esse treino diário, se tornar uma pessoa mais empática. Afinal, empatia também é escolha.

Elouise Lopes
Redatora da WebGo Content. Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.