Frases de Oswaldo Montenegro – mensagens e citações do autor

As frases de Oswaldo Montenegro são em grande parte citações de suas músicas, poesias, entre outros trabalhos deste músico e compositor brasileiro.

Muitas das mensagens de Oswaldo Montenegro inspiram até hoje reflexões acerca de vários temas da vida, como o amor, a arte e a humanidade.

A seguir você confere algumas frases de Oswaldo Montenegro para compartilhar nas redes sociais e entender melhor o pensamento do autor referente a determinados aspectos.

Frases de Oswaldo Montenegro
Quem vai dizer ao coração que a paixão não é loucura, mesmo que pareça insano acreditar…
Frases de Oswaldo Montenegro
como sem licença o sol rompe a barra da noite sem pedir perdão…
Mensagem de Oswaldo Montenegro
Que a força do medo que tenho não me impeça de ver o que anseio.
Mensagem de Oswaldo Montenegro
Porque metade de mim é o que eu penso… e a outra metade é vulcão…
Mensagem de Oswaldo Montenegro
Quem não ouve a melodia acha maluco quem dança…
Citação oswaldo montenegro
E que o teu silêncio me fale cada vez mais alto
Citação oswaldo montenegro
Porque metade de mim é partida, mas a outra metade é saudade…
Citação oswaldo montenegro
Que a arte nos aponte uma resposta, mesmo que ela não saiba.
Citação oswaldo montenegro
Hoje eu acordei tão só, mais só do que eu merecia
Citação oswaldo montenegro
Quando a gente ama simplesmente ama… é impossível explicar!

Confira também:

E que a minha loucura seja perdoada. Porque metade de mim é amor e a outra metade também.

Não pense que o mundo acaba ali aonde a vista alcança. Quem não ouve a melodia acha maluco quem dança. Se você já me explicou agora muda de assunto.Hoje eu sei que mudar dói, mas não mudar dói muito!

Porque metade de mim é o que ouço, mas a outra metade é o que calo…

Eu acho que será pra sempre. Mas sempre não é todo dia

A gente repete que quer, mas não busca. E, de um modo abstrato, se ilude que fez.

“Comece o dia amando mais você.”

Não pense que o mundo acaba ali aonde a vista alcança. Quem não ouve a melodia acha maluco quem dança.”

Eu amava como ama um sonhador.

Uma mora na casa do medo. Outra mora na casa da coragem. Às vezes trocam.

E se acaso não crer na minha partida, comece a contar os dias de sempre da minha ausência.

Aceita o desespero e dispensa o analista.

A gente pode não saber o que será profundo, mas a gente sabe o que seria.

Se a gente seria uma coisa profunda… Sim, a gente seria.

Eu acredito em encanto de um dia. Em paixão de um dia.

Paixão é quando a gente sente por alguém uma emoção enorme, diferente de tudo.

A segunda pior dor do mundo é ser abandonada porque a primeira é quando o cara que te abandonou quer cuidar de você.

Tudo é símbolo de tudo.

Eu não tenho uma teoria sobre o mundo não, só o jeito como eu quero viver.

Se você me olhar pela última vez, só verá meu sorriso com jeito de adeus. Delicado e quieto no centro da sala.

Imagina alguém se transtornar a simples visão de uma tela de Rembrandt ou ouvindo em êxtase a 9ª sinfonia de Beethoven.

Sabe aquele sentimento feliz de encontrar alguém querido que você não vê há muito tempo, quando na verdade você nunca esteve com essa pessoa, nunca viu e nem conhece? São assim as afinidades.

Que o espelho reflita em meu rosto um doce sorriso. Que eu me lembro ter dado na infância. Por que metade de mim é a lembrança do que fui. A outra metade eu não sei.

A vida é um negócio horroroso.

…Eu amavaComo amava um pescadorQue se encanta maisCom a rede que com o mar…

Olhe bem nos meus olhos, olhe bem pra você. O fato é que a gente perdeu toda aquela magia.

Oswaldo Montenegro nasceu no dia 15 de março de 1956 em São Paulo. Sem ter nunca estudo música formalmente, começou desde a infância a ser influenciado por ela, já que seus pais os estimulavam desde cedo.

Desde que ingressou profissionalmente na música popular brasileira, Oswaldo participou de grandes festivais e tornou-se conhecido.

Confira também:

Qual é a sua frase preferida do Oswaldo Montenegro? Comenta aqui!

Avatar
Jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e pós-graduanda em Negócios Digitais. Tem mais de 600 artigos publicados em sites dos mais variados nichos e quatro anos de experiência em marketing digital. Em seus trabalhos, busca usar da informação consciente como um instrumento de impacto positivo na sociedade.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.