Melhores incensos para meditar e praticar seus mantras

Os incensos estão na nossa sociedade há muitos anos e desde sempre foram usados como uma forma de entrar em contato com a nossa espiritualidade, além de energizar os ambientes com uma incrível capacidade de filtrar as energias.

Uma forma interessante de pensar a efetividade dos incensos é a de que a matéria do incenso, composta por carvão e plantas, em especial ervas, se transformam em espírito, que é o aroma. E esse espírito, em formato de fumaça branca, invade todo o espaço e toca tudo aquilo que encontra.

Os incensos são muito indicados para práticas meditativas, como os mantras, que nada mais são do que a reverberação de palavras e sons que representam algum pedido de prosperidade.

Os mantras também são milenares, inclusive, quanto mais antigo, maior é o seu “poder”, visto que é justamente a repetição que traz a força energética para este tipo de meditação.

Portanto, estamos diante da união de três práticas milenares, que são usadas em conjunto também há muitos anos: a meditação, os mantras e os incensos.

Conheça a seguir quais são os melhores incensos para meditar e praticar seus mantras no dia a dia.

Incenso de Sândalo

Incenso de sândalo

O Sândalo é uma das fragrâncias mais tradicionais da cultura indiana, justamente pelo seu alto poder de concentração e de elevação da consciência. Sua fragrância é amadeirada, afinal, este aroma é composto por cascas de uma árvore de mesmo nome.

Além de ser muito indicado para as práticas meditativas, o sândalo também é uma planta com propriedades que geram bem-estar e também proporcionam sensação de tranquilidade, sendo portanto, um excelente aliado para tratar questões de depressão e ansiedade.

Incenso de Lavanda

lavanda

A lavanda é uma das ervas aromáticas mais conhecidas, isso porque a sua fragrância é amplamente usada inclusive para fazer perfumes e demais produtos aromáticos. Mas as suas propriedades naturais são incríveis para meditação!

Isso porque a lavanda proporciona o restabelecimento do equilíbrio, tanto do corpo físico, quanto do corpo emocional e também energético. A sua principal atuação é a purificação da aura, o que a torna o seu aroma, um excelente aliado para começar o dia com calma e harmonia.

Incenso de Alecrim

alecrim

O alecrim é um excelente aliado das práticas meditativas, pois além de ser uma erva muito poderosa para a limpeza espiritual, também é excelente para a concentração, aquietando a mente e nos ajudando a ter concentração para a meditação.

Além disso, o alecrim tem um cheiro muito perfumado e fica por muito tempo no ar, agindo como um excelente dissipador de energias ruins ao longo do tempo. Uma das características mais legais do alecrim é que o seu plantio é simples e popular e até mesmo pessoas que moram em apartamentos conseguem cultivar essa erva.

Os tipos de incenso

Você sabia que existe uma série de tipos de incenso? Isso mesmo, além de uma infinidade de ervas que atuam de diferentes formas, a composição do incenso também é um fator que altera a intensidade da sua atuação.

A composição dos incensos mais indicados para práticas meditativas são aqueles feitos de carvão natural ou então o incenso “massala”, que é um tipo de incenso composto por pouco carvão natural e alta concentração de resina e pó de sândalo.

O massala é um tipo de incenso bastante forte, muito mais intenso do que os incensos comuns e, mesmo depois de apagado, deixa cheiro no ar. Portanto, é mais indicado para as práticas meditativas, principalmente em locais grandes e com diversas pessoas.

Mas é claro, independente da composição, todos os incensos são capazes de ampliar a nossa conexão interna com nós mesmos e também na limpeza dos ambientes. Até mesmo os incensos que não tem carvão, feitos apenas com plantas também são indicados, mesmo que queimem rapidamente.

Os benefícios das práticas meditativas

Realmente os benefícios gerados pelas práticas meditativas são amplas e podem ser notados tanto no sentido espiritual, quanto físico mesmo, visto que muitas vezes o estresse ou o excesso de preocupações têm resultados em nosso corpo físico.

Para começar a praticar algum tipo de meditação, o mais indicado é separar um momento do seu dia, todos os dias. No início, o mais indicado é despender um tempo curto, como 10 minutos, com o passar do tempo e do seu desenvolvimento, esse tempo pode aumentar.

É comum que no começo seja difícil focar por tanto tempo, mas não desista, contemple esse momento de meditação e respiração como um cuidado consigo que a longo prazo trará resultados incríveis como mais tranquilidade e serenidade no dia a dia e para tomar decisões.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.