Publicidade

Oráculo da Noite – Como funciona? Todos os significados

O universo dos sonhos é muito misterioso, diante de tantos enigmas, algumas ferramentas estão disponíveis para nos auxiliar nesta compreensão, como o oráculo da noite. Para começar a entender o oráculo é preciso conhecer a tradição dos sonhos. Se hoje as pessoas sonham e o máximo que acontece é comentar sobre o que foi sonhado, na antiguidade, os sonhos já foram sinônimo de poder e eram, inclusive, a forma que mestres decidiam sobre as suas ações e direcionamentos.

Publicidade

Publicidade

Atualmente, sonhar pode ser banal para muitas pessoas. É comum ouvir falar sobre sonhos em conversas despretensiosas, em que cada um compartilha seus sonhos mais bizarros ou então tenta decifrar algum sonho recente que foi muito marcante. Entretanto, no campo espiritual, os xamãs são sonhadores atentos que usam deste momento para acessar respostas e estabelecer contato com os guias espirituais.

Publicidade

Publicidade

Alguns estudos indicam que a “importância” do sono foi mudando conforme a escrita ganhou importância. A relação é bastante simples, se antes só era possível ouvir os guias espirituais, agora, com a escrita, é possível acessar os seus ensinamentos a qualquer momento. Desta forma, a escrita ganhou maior relevância em relação a fala. Entretanto, os sonhos ainda são tão potentes quanto na época em que as pessoas se reuniam em praça pública para compartilhar suas visões.

Para interpretar os sonhos, é necessário ter bagagem sobre simbolismos, por exemplo, em sonhos com animais, o que cada um dos animais significa, quais mensagens estão mandando? Em caso de sonhos com imagens de entidades ou anjos, o que cada uma dessas figuras representa, quais são as energias que estão relacionadas a ela?

Publicidade

Publicidade

É possível aprofundar as leituras, analisando várias camadas do sonho como as cores que aparecem, elementos da natureza e também o conteúdo em si dos diálogos. Uma dificuldade neste processo é lembrar dos sonhos com exatidão, visto que sonhamos apenas por alguns momentos durante a noite e raramente conseguimos nos lembrar.

Dicas para lembrar dos sonhos

Existem algumas práticas que podem nos ajudar a lembrar o que sonhamos.

A primeira dica é ter do lado da cama caneta e papel, assim que você acordar, seja de madrugada ou pela manhã, anote tudo o que lembrar do seu sonho, em que ambiente você estava, quais elementos surgiram, quais pessoas, enfim, quanto mais detalhes, melhor. Procure anotar tudo sem o preciosismo de reler o que escreveu na hora, deixe para decifrar seus sonhos em um momento de calma, com meditação e tempo para pesquisar símbolos que você possa ainda não conhecer.

Outra dica é alternar o local que você dorme. Algumas pesquisas indicam que dormir em lugares novos incentiva a sonhar e a lembrar desses sonhos. Então se você está nesta caminhada de compreender seus sonhos, não custa nada tentar dormir na casa de amigos, familiares ou viajar de vez em quando para estimular seus sonhos.

A terceira dica é evitar tomar medicamentos para dormir, visto que normalmente estes remédios inibem sonhos por promoverem sonos muito profundos. Por outro lado, a insônia também atrapalha nos sonhos. Então o ideal é que você consiga estabelecer quantas horas precisa dormir por dia e seguir esta rotina. Alguns chás como camomila e erva doce são muito indicados para ajudar a pegar no sono.

Cadernos dos sonhos

Publicidade

Publicidade

Se você está pensando em começar a desvendar seus sonhos, faça um caderno dos sonhos. Este caderno vai ser basicamente um diário em que você escreverá todos os dias sobre sonhos. É claro, sempre que você conseguir se lembrar dos seus sonhos, escreva neste caderno. Mas a sua funcionalidade vai além, escreva também seus estudos neste caderno, estudos de simbologias, estudo de cores e estudo de energias dos sonhos. Esta é a construção do seu oráculo dos sonhos.

Uma boa forma de organizar este caderno é deixar uma parte para os registros dos seus próprios sonhos e outra para os estudos. É muito interessante fazer leituras constantes nos seus sonhos para perceber padrões e conseguir decifrar mensagens e presságios.

Como a ciência explica os sonhos?

As respostas da ciência sobre os sonhos são bastante diversas, mas existem duas vertentes que são as mais populares: a justificativa de que o cérebro gera experiências que se intensificam quando não estamos utilizando o cérebro em atividades acordados ou então que o sonho teria sido uma adaptação evolutiva do Homo sapiens que pode vir a parar conforme a humanidade evolui.

Da autoria do neurocientista Sidarta Ribeiro, o livro intitulado “Oráculo da Noite – A História e a Ciência dos sonhos” junta muitos aspectos culturais e biológicos para discutir o universo dos sonhos e começar os estudos deste universo tão vasto e rico.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.