Signo de Peixes no trabalho: Veja Como eles se comportam no ambiente profissional

O signo de peixes no trabalho é um dos mais criativos e indisciplinados. São desligados do mundo material e tem grande conexão espiritual, de forma que o sentimento de ter uma missão e estar psicologicamente envolvido com o trabalho é ainda mais necessário para os piscianos do que para os outros signos.

Aqueles regidos por signo de água tem natureza mutável e precisam se sentir realizados com seu estilo de vida. No caso do signo de Peixes o que mais se destaca é a sua atenção para os detalhes, empreendedorismo nato e muita veia para o campo das artes  e comunicação.

O lado ruim do peixes no trabalho é que dificilmente se adaptam a prazos ou regras, são quase incapazes de chegar sempre no horário, gostam de estar mudando de área ou rotina a todo o momento e dificilmente sabem controlar as emoções –  o que os deixa vulneráveis em determinados locais em que o mercado exige dureza. Quem empregar um pisciano pode contar com uma fonte de ideias constante, mas em nenhum momento deve impedi-lo de se expressar ou criar – isso seria o fazer sair do emprego.

Devido a dificuldade de cumprir com seus compromissos dificilmente preferem estar em postos de liderança, até porque não gostam de ser pragmáticos e forçar a sua natureza aquilo que não é. Quando o trabalho é em equipe se dão bem, são colaborativos, sensíveis para com os colegas e os primeiros a iniciar uma reflexão sobre algo. Quando se sente inutilizado ou oprimido, a principal reação é a de ausentar-se mentalmente do trabalho e trata as tarefas como insuportáveis.

Apesar de gostarem de tudo o que o dinheiro pode comprar: conforto, luxo e facilidades é difícil que se envolvam com os trabalhos a ponto de dar o máximo de si. Não dão prioridade para o trabalho nunca e sim para aquilo que realmente os faz bem na vida.

As profissões não indicadas são todas aquelas em que o pragmatismo toca conta como por exemplo área da saúde, engenharias e demais setores em que a criatividade ou sentimento de ajuda ao próximo não esteja em um dos pontos mais importantes para que seja exercido.

Profissões indicadas

  • Campo da arte e comunicação (artista, músico, fotógrafo, ator, animador)
  • Enfermagem ou serviço social (segurança social, professor, aconselhamento, veterinário)
  • Campo espiritual (pastor, missionário)

Avatar
Jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e pós-graduanda em Negócios Digitais. Tem mais de 600 artigos publicados em sites dos mais variados nichos e quatro anos de experiência em marketing digital. Em seus trabalhos, busca usar da informação consciente como um instrumento de impacto positivo na sociedade.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.