Significado de Nomes femininos com K – Origem, Bíblicos e Estrangeiros

Os nomes próprios femininos com a inicial K não são muito comuns na língua portuguesa. Ainda assim, garantem opções cheias de significados e origens culturais, que podem servir de grande presente na nomeação de uma criança.

Confira, aqui, o quer dizer os principais nomes femininos com K em cada origem cultural. Devido à similaridade fonética da letra K com a letra C, é muito comum que estes nomes próprios sejam também encontrados escritos de maneiras diferentes – uma decisão que fica totalmente a critério dos pais que nomeiam os seus bebês.

Karen

nomes femininos com KKaren significa “pureza” ou “casta”. A origem é do nome é do grego,Aikaterhine, palavra que quer dizer castidade. Dependendo da cultura, há variações de uso, como Catarina e Katherine. Independente da escolha, a simbologia principal é carregada de fé, um nome que inspira santidade.

Kate

Kate quer dizer “aquela que é pura”. A origem do nome é a mesma de Karen, da cultura grega. Esta variação foi adotada principalmente pelos países de língua inglesa, durante a Idade Média. Inicialmente,era um apelido para nomes maiores e acabou consolidando-se como uma opção bastante cotada para nome próprio, sobretudo na Inglaterra e nos Estados Unidos.

Kristen

Kristen quer dizer “ungida por Deus” ou “cristã”. Este nome é uma variante do masculino Christian, usado pelos povos para identificar aqueles que tinham fé em Cristo. A principal utilização do nome é pelos países nórdicos. Já na língua inglesa, é mais comum usar na forma de Kristin.

Kelly

Kelly significa “aquela que descende da guerra” ou “bosque, floresta”. Existem duas origens para esta palavra, o que explica a diferença entre os significados. Na cultura irlandesa este nome é uma variação da palavra Ceallach, que quer dizer “conflitos ou guerra” e era atribuído aos bebês nascidos em tempos difíceis, para inspirar os tempos de batalhas com glória e esperança. Já no antigo inglês, a palavra Chelli significa “bosque”.

Kátia

Kátia quer dizer “castidade” ou “pureza”. O nome é um dos vários nomes com a inicial que deriva do grego Katharós, o qual significa, literalmente, “casta”. Esse tornou-se popular em diferentes países, adotando grafias diversas: katja, Cátia, Katiane e assim sucessivamente.

Karina

O nome Karina significa “amável” ou “querida”. O nome tem origem polonesa, cuja palavra significa, literalmente, “carinho”. A palavra também é popular na Alemanha e Rússia.

Kamila

Kamila quer dizer “mensageira de deus” ou “perfeita”. Sua grafia na língua portuguesa é mais comum com a inicial C. A principal origem do nome vem do latim Camillus, que significa “sacerdote nos sacrifícios” – uma denominação usada em cerimônias pagãs.

Outra possibilidade etimológica vem do grego Cadmos, que simboliza “filho do sol” ou “filho primogênito”, com uma conotação mais religiosa.

Karolina

Karolina significa “a mulher do povo” ou “mulher dócil”. Existem duas principais origens pelas quais pode ter sido adaptada. A primeira é do alemão Karl, que quer dizer “mulher/homem do povo”. Enquanto isso, na versão do latim quer dizer “dócil”.

Kenia

Keniasignifica “pequena rainha” ou “montanha branca”. Além de fazer referência ao país de mesmo nome, o monte Quênia (que tem este nome por conta de ser uma montanha branca), a nomeação também tem origem na palavra russa innokenty, que significa nada mais do que “inocência”.

Kauana

Kauana significa “gavião” ou “guardiã dos segredos”. O nome tem três origens etimológicas principais. Na língua portuguesa,a principal variante vem do tupi guarani, na qual a palavra usada quer dizer “gavião, falcão” – o que inspira força, luta e perspicácia, advinda das principais características do animal.

A segunda opção vem da cultura finlandesa como uma versão feminina de Kauan, que significa “longo”. Por último, o nome em havaiano – muito popular na região, inclusive – quer dizer “guardiã dos segredos”.

Kim

Kim quer dizer “ouro” ou “dourado”, na Coréia do Norte e na Coréia do Sul. Nestas culturas, o nome era bastante utilizado para identificar a família real. A palavra inspira poder, liderança e chefia.


Assista Nosso Novo Vídeo:

Recomendados para você:


    Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie: