Publicidade

A mãe do signo de Peixes e sua relação com os filhos: veja aqui!

A chegada de uma criança muda complemente a vida de uma mulher, mas, mesmo assim, ela consegue se adaptar. Afinal de contas, mãe é assim! Mesmo que todas se mostrem fortes, porém, as mães são muito diferentes entre si. Vamos conferir, então, como é a mãe do signo de Peixes e como ela se relaciona com seus filhos.

Publicidade

A mãe do signo de Peixes e sua relação com os filhos

Publicidade

O signo de Peixes é o conhecido como o mais empático do Zodíaco. Por conta disso, aliás, esse é um signo cuja amizade você deve ter sempre por perto. O signo de Peixes também é muito imaginativo, e não é à toa que entre as profissões mais lucrativas para os piscianos estão aquelas que mais exigem criatividade.

Publicidade

Publicidade

Com base na personalidade, vamos ver como é a mãe do signo de Peixes.Mãe apegada

1. Compreensão não pode faltar

A mãe do signo de Peixes é aquela que entende o filho da melhor maneira. Afinal, quem pertence a esse signo naturalmente tende a ouvir e compreender as pessoas, independente de quem seja. Sendo assim, a mãe desse signo se destaca por ser a mais compreensiva.

Publicidade

Publicidade

Em geral, quando seus filhos estão tristes, sofrendo com alguma coisa (não importa qual seja) a mãe pisciana costuma ajudá-los com a maior preocupação do mundo. Até porque, por natureza, não gostam de ver ninguém sofrendo.

Se seus descendentes sofrem, então, por qualquer razão, essa mãe faz o que pode para acudi-los.

2. Estimula a imaginaçãoA mãe do signo de Peixes

A mãe pisciana, com a imaginação que tem, ajuda seus filhos a desenvolverem a criatividade, assim como ela.

Em geral, quando crianças, ela é o tipo de mãe contadora de histórias. Quando os coloca para dormir, pode ser que a mãe pisciana invente mil histórias, todas totalmente envolventes, para que eles durmam tranquilos.

Assim, elas trabalham a todo momento no desenvolvimento da imaginação de seus filhos, pois conseguem construir diversas imagens encantadoras em seu imaginário dessa forma.

Publicidade

Publicidade

Ainda, nos trabalhos da escola, a mãe deste signo capricha bastante nas sugestões de ideias e adora ver que seus filhos estão contribuindo com mais ideias geniais.

3. Ama intensamente

Quando se tornam mães, é comum que as piscianas vivam para seus filhos. Assim, elas ficam felizes quando fazem algo que deixe seus filhos felizes. Não é à toa que ela fica extremamente preocupada quando seu filho chora, pois seu coração sofre também.

É como se a mãe do signo de Peixes estivesse ligada a seus filhos de uma maneira mais profunda do que possa parecer. Por isso, não é estranho que, ao se tornarem mães, as piscianas se mostrem tão apegadas a seus filhos.

No fim das contas, ela não dá a mínima se pode parecer apegada demais. A verdade é que fica contente em se entregar, de alma e coração, a seus bebês, grandes ou pequenos.

4. Pode ter dificuldade em disciplinar os filhosMãe que ama demais

Por amar demais, a mãe do signo de Peixes pode ter dificuldade em dizer “não”, em alguns momentos. Por isso, não é estranho que os filhos possam querer tomar mais liberdades do que devam.

Publicidade

Publicidade

Ou seja, a pisciana no papel de mãe pode ter dificuldade em disciplinar os filhos. Afinal, quando a mãe ama demais, é difícil não ceder às vontades dos filhos. Mas não é impossível.

Para isso, a mãe pisciana tem de se esforçar muito, mas pode conseguir dizer “não” aos filhos, quando necessário. Precisam mesmo ter pulso firme, mesmo que doa.

5. Tem medo de deixar o filho viver sem ela

A mãe do signo de Peixes, então, se apega bastante aos filhos. Durante toda a criação deles, é comum que queira se fazer presente em todas as ocasiões. Sendo assim, a mãe pisciana está presente em todos os momentos da vida de seus filhos.

Formaturas, aniversários, reuniões de escola, ou o que for, a mãe do signo de Peixes dá sempre um jeito de estar por perto.

Sendo assim, a ideia de se separar do filho pode parecer bastante difícil na vida adulta. Ela é aquela mãe que pode dar um pouco de trabalho para desapegar, pois, de fato, cria laços intensos com seus descendentes.

Publicidade

Publicidade

Então, a mãe pisciana pode dar várias desculpas para que o filho não saia de casa. Mas uma hora ela cede.

Elouise Lopes
Redatora da WebGo Content. Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e Marketing Digital.

Participe dos nossos grupos

TelegramCanal Telegram

Entre no Canal e receba as notícias do dia

FacebookPágina do Facebook

Curta nossa Página e receba nossas dicas

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.